Menu

Malabá – O Pai Natal és Tu


LETRA
“Quem cuida da família és tu
ninguém a ama como tu
eu nunca vi o Pai natal na margem sul
se estas na casa o Pai natal és tu”

Para continuar a ver a letra desta musica, clica em…

Não é fácil amar
É fácil fazer um filho
Difícil é sustentar
Fácil virar as costas
Bater a porta com força
Difícil é discutir e solucionar a coisa
Se não tens alguém que te ouça
E procuras um conselho
Considera o Malabá
Como o teu irmão mais velho
Olha-te no espelho mano
Pelo menos uma vez por dia
E aprecia toda avida que Deus te deu
Antes que a sabedoria falhe
E a vaidade ganhe
Aproveita bem o teu time
Tens um momento que é só teu
E por mais qualidade que tenhas
Inquietações irão surgir
Enquanto planeias
Será difícil concluir algumas ideias
Mas a família é o apoio que eu espero que mantenhas
E que tenhas muitos triunfos
Lucros e sustos…
Porque se ela for a mulher certa
é bom que te dê muitos putos
desejo tudo de bom
“Pai quando eu vou ter um irmão?”

Refrão
Desejo tudo de bom
Para quem nunca desejou mal
Para quem aguenta firme a crise em Portugal
Para quem sobrevive
Neste ciclo infernal
Feliz Natal
Desejo tudo de bom
Para quem nunca desejou mal
Para quem aguenta firme a crise em Portugal
Para quem sobrevive
Neste ciclo infernal
Feliz Natal
Quem cuida da família és tu
ninguém a ama como tu
eu nunca vi o Pai natal na margem sul
se estas na casa o Pai natal és tu”

“Os meninos da escola dizem o Pai Natal não existe”

O Ser Humano
É capaz de tudo
E basta uma atitude
Para mudar o mundo
Nem que dure um só segundo
Mano imagina
Outra sociedade
Outro professor
Que te ensina
Outro sorriso torto
Outro olho gordo
Outro morto pela criminalidade
E a ruína
Outro vício outra droga na esquina
Outra escola outro emprego
Outro branco outro negro
Outra propina outro governo
Outra politica..
Outro segredo Tu não estas
Mas imagina-te no desemprego
Imagina outra casa
Outra educação
Outro prédio outra barraca
Outra pré fabricação
Imagina o pobre
Agora imagina o rico
Imagina não existir esse equilíbrio
Imagina no natal não veres o brilho
Nos olhos do teu próprio filho…

“Pai não acredito que o Pai Natal és tu”

Refrão
Desejo tudo de bom
Para quem nunca desejou mal
Para quem aguenta firme a crise em Portugal
Para quem sobrevive
Neste ciclo infernal
Feliz Natal

Comentar

Deixe uma resposta

Subscreve os canais

Videoclip do Mês – Piruka

Vedeta Phareal